Microbiologia da Cerveja | Escola Superior de Cerveja e Malte

Idioma:

|

Microbiologia da Cerveja

sobre o curso

O processo produtivo de uma cerveja consiste de uma sucessão de reações químicas e microbiológicas que precisam ser entendidas e controladas. Este curso demonstra os microorganismos de interesse no processo cervejeiro e seu funcionamento e também as leveduras e suas características nos processos microbiológicos. As aulas são teóricas e também práticas em laboratório de química para identificar os tipos de microorganismos utilizados na produção de cerveja. Inscreva-se e compreenda os processos para melhorar o rendimento da cerveja e prevenir contaminações na sua bebida.

 



conteÚdo programÁtico

  • Introdução a microbiologia.
  • Noções fundamentais de fungos, leveduras e bactérias.
  • Bioquímica da Glicólise.
  • Bactérias Gram Positivas.
  • Bactérias Gram negativas.
  • Leveduras non-Saccharomyces.
  • Fungos toxigênicos no processo produtivo da cerveja.
  • Qualidade microbiológica na produção de chopes.
  • Perigos microbiológico no envase da cerveja.
  • Métodos tradicionais de identificação de contaminantes.
  • Composição Química do Mosto - Tipos de açúcares presentes no mosto.
  • Açúcares fermentáveis e açúcares não fermentáveis e sua influência sobre o caráter final da cerveja.
  • Principais processos enzimáticos.
  • Atuação das enzimas e sua importância.
  • Condições ideais para atuação de cada enzima.
  • Sacarificação do amido.
saiba mais sobre este curso
faça o download da brochura deste curso e conheça

conheça os professores

O corpo docente de cada turma pode variar conforme cronograma e disponibilidade de cada professor.
  • Gabriela Müller

    Graduada em Farmácia pela Universidade de Caxias do Sul. Mestrado em Biotecnologia pela Universidade Federal do Amazonas. Doutorado em Bioquímica e Pós-doutorado em Biotecnologia e Biociências pela Universidade Federal de Santa Catarina. Professora da Escola Superior de Cerveja e Malte nos cursos de Pós-graduação em Tecnologia Cervejeira e Mestre Cervejeiro nas disciplinas de microbiologia e bioquímica aplicadas a cerveja, fermentos, análises laboratoriais e controle de qualidade microbiológico. Possui experiência nas áreas de fermentação alcóolica, genética de leveduras e microbiologia aplicada a produção de cervejas. Produz cerveja em casa desde 2011. Proprietária da empresa de fermentos líquidos e kits para controle de qualidade Levteck Tecnologia Viva em Florianópolis/SC.

  • João Sperb

    É Mestre e Bacharel em Engenharia Química pela Universidade Regional de Blumenau. Atuou na área de pesquisa em Engenharia Bioquímica, utilizando fungos filamentosos para a obtenção de compostos bioativos, com foco na produção de tensoativos (biossurfactantes) e enzimas lipolíticas. Possui experiência na área de Engenharia de Alimentos, principalmente na produção de alimentos e bebidas fermentados,contando com atuações profissionais em cervejarias. Atualmente cursa o doutorado em Engenharia Ambiental, com o foco de pesquisa na área de biorreatores e biodigestores para a produção de biogás e é professor e conteúdista na Escola Superior de Cerveja e Malte.

  • Roberta Bassi

    Graduada em Ciências Biológicas pela Universidade de Mogi das Cruzes, Especialista em Microbiologia pelo Instituto de Ensino e Saúde de São Paulo, Mestre em Engenharia Biomédica pela Universidade Camilo Castelo Branco, Doutoranda em Engenharia Biomédica pela Universidade Brasil. Professora da Escola Superior Cerveja e Malte para o curso Mestre Cervejeiro na disciplina de Microbiologia - Controle de Qualidade. Profissional de Microbiologia na área do Controle de Qualidade nas Cervejarias Kaiser (Jacareí) e Cerveja Baden Baden (Campos do Jordão). Área de pesquisa em Esterilização à base de Ozônio em materiais e equipamentos e ambientes de área estéril.